Revestimento para Parede


Solução para quem deseja além de decorar as paredes, protegê-las da umidade e do mofo: 


  1. Tire as medidas do local que receberá o revestimento e exclua os itens ou espaços que não serão revestidos;
  2. Após saber a medida correta, é hora de saber a quantidade necessária de material. Neste caso, algumas peças têm tamanhos diferentes, o que deve ser observado com atenção. Mas, assim como em qualquer projeto residencial, o recomendado é comprar 10% a mais de material para cobrir as possíveis perdas durante a instalação;
  3. Escolha o tipo de revestimento. Neste caso, você pode optar por cerâmica ou porcelanato. Na cozinha, por exemplo, você pode escolher azulejo, enquanto que para o banheiro, pastilhas de vidro são uma ótima opção
  4. Se a parede for externa, como muros ou fachadas, dê preferência aos materiais de maior durabilidade, já que estarão em contato direto com as diversas condições climáticas;
  5. Escolha da argamassa correta para cada aplicação, pois existem produtos específicos para cerâmica e porcelanato. A principal diferença é que a cerâmica acaba sugando a água da argamassa, provocando a fixação do piso, o que não ocorre no segundo caso;
  6. Quanto ao rejunte, prefira o que apresente maior qualidade e combine com a cor do revestimento. Alguns materiais já vêm com a indicação do rejunte ideal;
  7. Com relação às cores, dê preferência a tons claros para áreas internas, enquanto que é preciso ter um pouco mais de atenção com as fachadas.

IPIRÁ WEB host2

Visite a Loja e confira todos os produtos a disposição para sua reforma e construção na GUSMAC e GUSMÃO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário